Conheça a chave de como ser feliz

É incontável a quantidade de livros que falam sobre como ser feliz, e é incrível que com o passar do tempo a busca pela felicidade tem sido mistificada, comercializada e sinalizada como um produto que pode facilmente ser comprado na prateleira de qualquer livraria. Manuais falam sobre a “conquista” da felicidade, e apontam o caminho do pote de ouro que certamente estará no final do arco íris. Longe das fórmulas mágicas e charlatanismos,  gostaríamos de lhe fazer uma pergunta: você sabe como ser feliz?

A busca sobre como ser feliz tem se tornado uma pesquisa séria

Uma da maiores faculdades do mundo, a Universidade Harvard, tem avançado na pesquisa sobre como ser feliz, e seus alunos já estão tendo a oportunidade de experimentar um curso destinado a corrente da psicologia conhecida como Psicologia Positiva. Corrente  amplamente aceita e presente no estudo da psicologia ao redor do mundo atualmente. O curso de Psicologia Positiva da Universidade de Harvard é lecionado pelo professor israelense  Tal Ben-Shahar, um especialista da área que apelidou a Psicologia Positiva como a “Ciência da felicidade”.

O professor afirma de forma veemente que a fórmula de como ser feliz pode ser aprendida, e a sua assimilação se dá como em qualquer outra atividade: um esporte, tocar um instrumento ou habilidades intelectuais. O professor alega que, assim como nessas outras atividades anteriormente citadas, é necessário prática e conhecimento técnico para que se desenvolva a capacidade de ser feliz. Ben-Shahar ainda desenvolveu um lema que correu o mundo, e também está presente em um de seus Best-Sellers (Being Happy): Não é preciso ser perfeito para se levar uma vida mais rica e feliz.

Segundo Ben-Shamar, a maior chave para se obter êxito em descobrir como ser feliz, reside na capacidade de aceitar a própria vida tal como ela é, tal conceito, segundo o mesmo trará a liberdade da necessidade de sempre ser vitorioso, e das expectativas ligadas a um perfeccionismo exagerado e irrealista. Brilhantemente, o professor Ben ressalta: é justamente a expectativa de sermos completa e perfeitamente felizes que não permite que o sejamos.

Pensando neste conceito de permitir-se não ser perfeitamente feliz, e abdicar desta busca insana, que podemos desfrutar das mínimas coisas que nos trazem prazer, conforto e satisfação.

Quais os passos para ser feliz

Sabendo que devemos aceitar os revezes trazidos pela vida e encontrar paz e tranquilidade no que temos, o que devemos fazer para que essas buscas desnecessárias parem de nos atormentar e roubar a nossa felicidade?

Vamos mostrar agora alguns simples passos que podem ajudá-lo a desligar-se das expectativas exageradas e escravizadoras.

Torne as coisas mais simples em sua vida

Muitas vezes travamos uma competição contra nós mesmos, e aceleramos o processo de nossas atividades profissionais ou do lar, na busca de um perfeccionismo que acreditamos que nos trará satisfação. Livre-se dos excessos, foque a sua energia no que realmente importa, nas atividades essenciais. Normalmente quem quer fazer muitas coisas e ao mesmo tempo, pretendendo ter um bom desempenho em toda elas, não conseguirá atender a nenhuma das duas propostas. Por isso, faça o pouco mas faça bem feito, isso lhe trará satisfação.

Comece a praticar algum esporte

O nosso cérebro necessita produzir endorfina e algumas outras substâncias naturais de nosso organismo, responsáveis por nos “nutrir” de felicidade. Estes hormônios produzidos por nosso cérebro, são também responsáveis por suprimir a sensação de dor e gerar prazer. Muitos esportistas já descobriram o quanto as suas vidas mudaram em qualidade psicológica desde que iniciaram as suas carreiras, e podem de forma verídica comprovar a máxima que diz “mente sã, corpo são”.

Entenda que todas as coisas possuem um término

Se você constantemente se vê revisitando momentos e desejando que eles possam ser revividos, provavelmente você não estará atento às coisas boas que acontecem no presente . Este tipo de comportamento gera expectativas sobre um futuro que pode não acontecer (criando assim um possível sentimento de frustração), ou uma nostalgia que não permite a objetividade necessária para se viver o agora e construir novos planos para o futuro.

Se perdoe!

Cometer erros é o caminho natural de todo ser humano para que se consiga realizar acertos. Aceite as emoções negativas, pois elas são parte da vida e não temos como fugir disso. Mas, ao mesmo tempo, não permita que elas lhe aprisionem em uma visão sobrecarregada e depreciativa sobre si mesmo. É visto em diversos estudos que o perdão tem um efeito restaurador em nossas vidas, e é observado que em pessoas com baixa capacidade de perdoar aos outros e a si mesmo, são muito mais comuns casos de doenças como a ansiedade e a depressão.

Dedique-se a ideais, não somente a atividades

O ser humano desenvolve auto defesas importantíssimas quando compreende que a sua existência possui uma motivação maior, que ele é necessário e importante para a sociedade ao seu redor, e quiçá, para o próprio mundo. Observe quais são as suas habilidades naturais e identifique quais suas possíveis aptidões. Escolha suas atividades e até mesmo a sua carreira profissional compreendendo que estas escolhas podem fazer a vida de outrem ainda melhor. Através disso, você encontrará satisfação e felicidade.

A nossa felicidade está diretamente relacionada ao nosso estado mental, e por muitas vezes acreditamos que a mesma está atrelada a estímulos exteriores. Os mesmos podem colaborar para lhe ocasionar bons momentos e até mesmo o prazer, mas jamais serão os responsáveis pela a sua felicidade. Cuide do seu interior, e procure não se cobrar a ponto de que cada falha seja motivo de um grande desânimo.

A felicidade não é algo a se conquistar, mas sim algo a “ser”. Se essas dicas te ajudaram a refletir e fugir das situações que roubam a sua felicidade, ou caso queira ter um acompanhamento especializado para te auxiliar a percorrer os caminhos que te levarão a ser feliz, fale com um de nossos especialistas.

Conheça nossos tratamentos aqui.

Tags:
Categories:

Postado por admin

tratamento de depressão

Deixar seu comentário

Please enter comment.
Por Favor digite seu nome.
Pro favor digite um e-mail.
Por favor insira um e-mail válido