Quando um amor se torna uma obsessão?

As fragilidades emocionais de um indivíduo podem chegar ao ponto de desenvolver uma grande dependência em relação ao outro, com quem está se relacionando amorosamente.

O indivíduo fragilizado pode ficar obsessivo e, com a clara certeza do sentimento ser amor, acaba confundindo tudo, dando mais força a essa obsessão. A obsessão amorosa é um tipo de neurose histérica, também conhecida como uma psiconeurose de defesa, onde a pessoa afetada é totalmente dependente emocionalmente não de um parceiro, mas da relação obsessiva em si.

E isso não é amor. O amor significa uma troca saudável entre duas pessoas, e quando uma delas passa a se comportar de forma a prejudicar o outro, não fica saudável, não flui.

Este comportamento pode se encaixar em alguns quadros. É preciso a avaliação de um psicólogo para identificar qual transtorno se trata, seja ele TOC – Transtorno Obsessivo Compulsivo, transtorno de personalidade dependente, ou outro. Uma consulta pode esclarecer muito e melhorar o estado emocional desse indivíduo.

Tags:
Categories:

Postado por Clínica Holos

Clínica Holos De Saúde e Desenvolvimento Pessoal.

<a href="https://www.facebook.com/ClinicaHolos/">Facebook</a> | <a href="https://www.instagram.com/clinicaholosba/">Instagram</a>

Deixar seu comentário

Please enter comment.
Por Favor digite seu nome.
Pro favor digite um e-mail.
Por favor insira um e-mail válido